Centro de Orientação Médico Psicopedagógica - COMPP


Diretor Geral: Simone Maria L. C. Guimarães

Gerente de Apoio Operacional: Valéria Santos de Oliveira
Endereço: Setor Médico Hospitalar Norte, QD 03 BL A – CEP: 70.710-100
Telefone: 3326-3201 / 3325-4995

Quem Somos
O Centro de Orientação Médico Psicopedagógica - COMPP/SES, Órgão da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal, presta atendimento multi e interdisciplinar em Saúde Mental às crianças e adolescentes do DF e Entorno.
Atende desde os casos mais leves de sofrimento psíquico, até os transtornos mentais mais graves como: Autismo, Psicoses e Neuroses.
Possui ainda um acolhimento humanizado, diário, com classificação de risco, realizado por profissionais capacitados e com o objetivo de otimizar o processo de trabalho na Unidade e de avaliar a gravidade e a urgência de cada caso para maior resolutividade e agilidade no atendimento.

Histórico
Em abril de 1967, por solicitação do Dr. Wilson Eliseu Sesana, Secretário de Saúde, os médicos Pedro Braga Filho, Coordenador de Saúde Pública e Cesar Baiocchi, Conselheiro FHDF, iniciam os estudos preliminares de um Planto de Assistência ao Doente Mental para o Distrito Federal. Verificou-se, que no contexto psiquiátrico, um sistema assistencial profilático e terapêutico de doença mental se impunha.
Em 02 de junho de 1967, promovem uma reunião no Gabinete do Secretário de Viação e Obras Públicas para traçar as diretrizes preliminares e entrosamento de um trabalho neste sentido a ser feito em conjunto pelas Secretarias de Saúde, Educação e Serviços Sociais e de Obras Públicas.
Em 1968 a Comissão aprova o regime interno e estabelece os planos para fixação de rotina de trabalho.
Em 13 de maio de 1969 são iniciadas as atividades do COMPP. Utilizando-se dependência pertencente ao Departamento Hospitalar, Sala das Coordenações, no 4º andar do Bloco do Ministério da Saúde, onde permaneceu até 10 de junho de 1969.
Em 10 de setembro de 1969 a sede é transferida para o Setor Médico Hospitalar Norte, onde permanece até os dias de hoje.

Especialidades do Ambulatório
*Horário de funcionamento: de segunda-feira a sexta-feira de 07:00 h às 19:00h
Assistência Social
  • Assistente Social
  • Enfermagem
  • Fonoaudiologia
  • Neuropediatria
  • Neurologia
  • Nutrição
  • Pediatria
  • Psicologia
  • Psiquiatria
  • Terapia Ocupacional
  • Outros serviços
  • SERE (Serviço de Encaminhamento Regionalizado) Tem por função o levantamento da rede de saúde e social do DF e Entorno para subsidiar os projetos, orientar e encaminhar os usuários, proporcionando um atendimento integral às necessidades de todos que procuram nossos serviços;
  • SETOR DE LAUDOS - Atendimento direcionado a confecção de conclusões diagnósticas, laudos e pareceres necessários à concessão de benefícios (Passe-livre, BPC, Aposentadorias, etc.) e à adequação escolar dos usuários;
  • SETORES DE ELETROENCEFALOGRAMA E DE AUDIOMETRIA - Realizam exames de pacientes do COMPP e de outras Unidades da SES.

Marcação de Consultas
2ª Feira: às 7h30h com seis vagas e às 13:30h com seis vagas;
4ª Feira: às 7h30 com seis vagas e às 13:30h com seis vagas e 
6ª Feira: às 7h30 com seis vagas e às 13:30h com seis vagas.
OBS: Em caso de alteração dos dados cadastrais do paciente o responsável deverá procurar o setor de Marcação de Consulta para atualização das informações.

Projetos
Além dos atendimentos realizados nas diversas especialidades, esta Unidade também desenvolve projetos inter e multidisciplinares:
PROJETO TDAH (Transtorno do Déficit de atenção com hiperatividade) - Atende e avalia de forma interdisciplinar, crianças e adolescentes com diagnóstico de hiperatividade e déficit de atenção. Faz parte do projeto a orientação aos responsáveis através dos Grupos de Pais, proporcionando melhorias no relacionamento familiar e na comunidade.
PROJETO DISLEXIA – Grupo de apoio ao diagnóstico, adequação escolar e tratamento dos transtornos de leitura/escrita. É o único projeto dentro da SES que auxilia a SEE, na inclusão escolar das crianças e adolescentes com esse transtorno.
GATA (Grupo de Atendimento aos Transtornos Alimentares) único grupo do DF que presta atendimento a crianças e adolescentes portadores de transtornos alimentares graves (como anorexia, bulimia, obesidade entre outros) e aos seus familiares.
PROGRAMA JASMIM/PAV (Programa de Atendimento e Prevenção à Violência) – Atende em equipe interdisciplinar crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, tais como maus tratos, negligência e abuso sexual. Trabalha no fortalecimento da rede de proteção da criança e do adolescente do DF em consonância com o estabelecido no Estatuto da Criança e Adolescente.
CAPSi – (CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSOCIAL INFANTO-JUVENIL) – Tem por objetivo um atendimento mais intensivo a crianças e adolescentes com sofrimentos psíquicos graves, reduzindo as internações em Hospitais Psiquiátricos, possibilitando, assim a permanência dos mesmos em suas famílias e a sua reinserção na sociedade. Presta atendimento aos portadores de transtornos mentais graves, tais como: autismo, psicose, DM com distúrbios comportamentais graves entre outros;
OFICINAS TERAPÊUTICAS - O Núcleo de Oficinas Terapêuticas/COMPP/SES promove atividades terapêuticas visando restabelecer a cidadania das pessoas com transtornos mentais e sua reinserção social. Propicia aos pais/responsáveis um espaço para interação, partilha de vivências e discussão de temas pertinentes a convivência em família, enfatizando fatos relacionados à cidadania, educação e tratamento das crianças e adolescentes pelos quais são responsáveis.
Contamos com as seguintes oficinas no COMPP/SES:
Oficina de habilidades manuais com cuidadores.
Oficina de arteterapia com usuários do CAPSi adolescente;
Oficina de arteterapia com usuários do CAPSi infantil;
Oficina de arteterapia com usuários do CAPSi travessia;
Oficina de Esportes com usuários do CAPSi adolescente;
Oficina de Educação Alimentar com usuários do GATA.

Ludoteca - COMPP
No Distrito Federal foram doadas 05 (cinco) Ludotecas aos PAVs (Programas de Atenção e Prevenção à violência) pelo Instituto SABIN e o COMPP/SES foi uma das instituições beneficiada por essa parceria.
A Ludoteca proporciona um espaço mais adequado e humanizado ao atendimento, através de brinquedos, jogos, bonecos sexuados e materiais pedagógicos. Dessa forma, além de expressar e reviver, de maneira menos traumática, o que vivenciaram e/ou vivenciam, as crianças/adolescentes podem ser trabalhados em um ambiente mais lúdico e eficaz.